14 de out de 2010

Cada um mexa nas suas gavetas!

Deus deu para cada um uma vida e para cada coisa a sua gaveta. Então por quê a cisma das pessoas em mexer nas gavetas dos outros?

É claro que existe uma linha tênue entre curiosidade, solidariedade e mexerico mesmo. Mas na maioria das vezes as pessoas tentam aliar as tês coisas para satisfazer sua vontade principal: fazer fofoca.


Saber da vida alheia parece um vício ou algo maior que  si mesmo. Fazer julgamentos, cálculos e análise sobre a veracidade das coisas ditas é uma doença. As pessoas tem necessidade de achar alguma coisa fora do eixo.

Em contrapartida, tem também aquelas que só querem achar um pouco de graça no cotidiano. Não é que torçam para que saia errado, só querem que as coisas fujam da mesmice. São pessoas que só não suportam a rotina.

E ao contrário da peça de Elisa Lucinda, falar mal da rotina é uma distração.

0 comentários:

Postar um comentário